Home > Pesquisa > Laboratórios

LIB – Laboratório de Inflamação e Biomarcadores

Atuam no Laboratório de Inflamação e Biomarcadores (LIB) os seguintes pesquisadores e suas linhas de pesquisa:

– Manoel Barral Netto: atua na investigação da abordagem de imunoquimioterapia para proteção na leishmaniose visceral canina. São realizadas abordagens em cães naturalmente infectados para o teste de novos esquemas terapêuticos através do uso combinado de imunobiológicos e Alopurinol. O pesquisador também coordena projeto PROEX que busca por biomarcadores em doenças epidemiologicamente importantes na Bahia, como a leishmaniose tegumentar, a infecção por HTLV-1 e doenças associadas.

– Valéria Borges: o grupo coordenado pela pesquisadora investiga mecanismos determinantes na interação vetor-hospedeiro-Leishmania, Os estudos poderão conduzir à identificação de novas vias inflamatórias associados com a imunopatogênese da leishmaniose das diversas formas clínicas da doença, bem como a proposta de novos potenciais alvos terapêuticos.

– Bruno Andrade contribui com estudos na pesquisa clínica na área de biomarcadores imunológicos de prognóstico e patogênese de doenças infecciosas (malária, tuberculose, HIV e leishmaniose) em países de alta endemicidade e em:
   *Modelos experimentais;
   *Imunopatogênese da infecção pelo HIV: fatores prognósticos;
   *Patofisiologia da síndrome inflamatória associada a imunorreconstituição;
   *Desenvolvimento de técnicas analíticas multidimensionais de bioestatística para estudo de biomarcadores em doenças infecciosas;  
   *Epidemiologia e patogênese de comorbidades infecciosas.

– Leonardo Farias: trabalha com estudos na linha de pesquisa de inflamação e vias de sinalização da leishmaniose. Na linha de pesquisa de prospecção de novos fármacos com atividade leishmanicida e imunomodulatória para o tratamento da leishmaniose cutânea, o potencial de um inibidor de histona demetilase será avaliado in vivo explorando o modelo de infecção de camundongos com L. braziliensis.

– Jorge Clarêncio Andrade contribui com sua larga experiência em citofluorimetria para identificar, ex vivo e in vitro, biomarcadores presentes na resposta imune celular em indivíduos com leishmaniose (tegumentar e visceral) que são refratários ao tratamento com glucantime.

Pesquisa
Alice motta soares de andradeBruno de bezerril andradeDeboraci brito pratesJaqueline frança costa
Jonilson berlink limaKevan michal akramiKiyoshi ferreira fukutaniLeonardo paiva farias
Manoel barral netto (Chefe)Théo de araújo santosValeria de matos borges (Subchefe)Yasmin monara ferreira de sousa andrade
Estudantes
Astrid madeleine calero goicocheaCaian leal de azevedo vinhaesDeivide oliveira de souzaEvelyn farias portela da silvaGabriel farias santos
Rafael de andrade inácio silvaVanessa mançur santosVinicius wildberger de paula
Apoio Técnico-Científico
Jorge clarêncio souza andrade

Telefone: +55 (71) 3176-2259
E-mail: limi@bahia.fiocruz.br

twitterFacebookmail